Páginas

domingo, 14 de setembro de 2008

O angustiante valor dado as Paraolimpíadas

Este ano está sendo de grande importância para o esporte mundial, todo ano de Olimpíadas é assim. Milhares de atletas se reúnem para mostrar o seu máximo e por consequência ganhar a tão sonhada medalha. Milhões de pessoas acompanham esse acontecimento, torcendo, secando, se emocionando. Essa união é uma marca latente do esporte, e ele é o que é por razão disto.

Nas Olimpíadas de Pequim tínhamos a expectativa de acompanhar vários atletas brasileiros vencendo e mostrando ao resto do mundo o poder que o Brasil tem. Todos nós esperávamos mais do Brasil. Apesar dos pesares conquistamos o total de 15 medalhas: 3 de ouro, 4 de prata e 8 de bronze.

Em todos os locais eram encontradas notícias, entrevistas, reportagens sobre os Jogos Olímpicos de Pequim. A maioria dos brasileiros sabia tudo que estava acontecendo do outro lado do mundo e muitos sentavam na frente da televisão para torcer pelos nossos representantes.

Mas este ano não está sendo grandioso no cenário esportivo somente por causa das Olimpíadas, mas também pelas Paraolimpíadas. E nessa questão que me surge a angústia e a revolta em meu peito e em minha mente: porque essa diferença extrema na forma em que tratamos as Olimpíadas e as Paraolimpíadas? Porque não temos olhos e tempo para torcer e acompanhar esse tão heróico evento?

Alguns justificam não acompanhar porque a mídia trata pouco sobre esse assunto. Mesmo sendo uma transmissão visivelmente diferente da que tivemos nos Jogos Olímpicos temos canais que transmitem as provas. E se houvesse mais interesse dos brasileiros teríamos muito mais conteúdo disponível.

Ao final das Olimpíadas a maioria criticava os que não conseguiram dar conta do que se era esperado. Nesse ponto eu concordo, poderíamos sim ter conquistado mais vitórias. Os motivos por nosso aproveitamento ter sido um quanto baixo são vários relatados por críticos e pelo senso comum. Mas se a questão é MEDALHAS, porque não estamos vibrando e tendo orgulho dos nossos atletas da Paraolimpíadas?

Nossos guerreiros atletas já somam 35 medalhas: 12 de ouro, 9 de prata e 14 de bronze. Aos que culpam a atuação brasileira nas Olimpíadas pela falta de investimento, o que falar desses que são esquecidos? Aos que falam que a culpa é que a torcida não torce efusivamente, o que falar desses atletas? Aos que falam em dificuldades de treinamento, o que falar nesse caso? Não digo que esses motivos apontados sejam falhos, mas nem tudo se prende a isso.

Esses atletas são verdadeiros heróis, que se superam a cada novo dia, e me pergunto, cadê o valor? Acredito que está na hora de NÓS - brasileiros, sociedade, população mundial - revermos os nossos conceitos.

Sei que dói ver certas provas e certas dificuldades que eles passam. Dói sabe porque? Porque nós, com nosso corpo perfeito, reclamamos muito da vida, reclamamos em ter que caminhar e de tantas outras coisas, sendo que nesse meio tempo, essas pessoas com deficiência conquistam sonhos. Não acredito que de uma hora para outra vamos passar a acompanhar as Paraolimpíadas, mas é hora de começarmos a analisar o porque de não dar atenção a tudo isso. Eles merecem toda a festa e todo o apoio do povo brasileiro, não somente por estarem conquistando medalhas, mas por estarem lá nos representando.

6 comentários:

  1. sempre penso nisso
    nosso atletas sempre vão melhor na superação paraolimpica ou para panamericana
    e nunca valorizamos...
    hipocrisia total.

    bjos

    ResponderExcluir
  2. Bélissimo artigo, Rafa.
    Parabéns. Você é uma jornalista nata, e uma jornalista nata escritora, o que é muito melhor rs
    beijo.

    ResponderExcluir
  3. Ps. gostei da cor do blog, todo verde rs
    Estou vendo que você criou juizo e deixou de ser tão fanática pelo inter, menos colorada, mais verde, enfim, mais palmeiras rs

    ResponderExcluir
  4. Opa ó eu aqui comentando de novo e mais uma vez um ótimo texto parabéns !

    ResponderExcluir
  5. Bah, eu acompanhei vários dias das paraolimpíadas, e me emocionei com a superação de alguns atletas e com a felicidade de outros só em poder estar participando.

    E mesmo sem apoio nenhum, os brasileiros conseguiram 16 medalhas de ouro. :-)

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Solte o verbo!